Por nome Por transliteração Por categoria Por tema pdf Login
Italino Español Français English Català Català
Numero di indici per lingua
1253
1109
1123
881
511
296
122

O laboratório de estudos sobre mitologia, que promove o avanço e o crescimento do DEMGOL ( Dicionário Etimológico de Mitologia Grega On Line), nos últimos dez anos produziu um material cada vez mais amplo, eficaz e útil ao ensino de cultura mediterrânea antiga e de mito grego. Já foi superado o número de 1200 verbetes (ano de 2017), consultáveis também por categorias ou tipologia (verbetes femininos, nomina homerica, povos imaginários, animais e monstros etc.); as traduções em castelhano, catalão e português (brasileiro) estão praticamente equiparadas com as novas entradas em italiano, enquanto a em francês já ultrapassou a metade do total. Podemos depositar confiança nos progressos da tradução para o croata, iniciada há pouco (abril de 2015), e, enfim, esperamos encontrar colaboradores para fazer avançar a tradução para o inglês.

Útil para o ensino (e-learning) e para a consulta rápida por parte de especialistas, mas de fácil consulta também para pessoas desconhecedoras da cultura clássica, o Dicionário Etimológico de Mitologia Grega On Line fornece informações e uma seleção das principais fontes de cada personagem, bem como uma etimologia confiável dos antropônimos do mito grego e latino (sobretudo para personagens menos conhecidos), assinalando nomes e termos de origem micênica e analisando as propostas interpretativas mais recentes da pesquisa linguística, por vezes com críticas às interpretações evidentemente errôneas ou inapropriadas. Pode ainda ser útil para ensinar aos iniciantes alguns elementos fundamentais da “formação dos nomes” em grego antigo.

Muitos verbetes são ilustrados por algumas imagens, escolhidas não tanto na vasta iconografia antiga (pintura de vasos etc.), quanto nas retomadas modernas, a fim de mostrar a difusão e a vitalidade dos temas da mitologia “clássica” na cultura europeia (e, em geral, “ocidental”), da Antiguidade à Idade Média, do Renascimento aos dias de hoje. Não faltam atalhos (links) para sites com imagens ou outras manifestações que atestam a vastidão e a difusão do interesse pelos mitos gregos no mundo globalizado contemporâneo e midiático (cfr. p. e. os verbetes AQUILES, HÉRACLES, EROS, PÁRIS).

Não se trata de uma publicação no prelo, mas de um hipertexto em movimento, um laboratório dinâmico onde cada um dos colaboradores, espalhados por todo o planeta, pode contribuir com melhorias, correções, retificações ou acréscimos.

O nível alcançado atualmente (2017) ultrapassa 1200 verbetes, em todo caso, podem ser vistos também nomes do mito que não se encontram no mare magnum de informações on-line, sem contar as retificações e atualizações quanto a alguns dos dicionários mitológicos existentes (seja na rede, seja impressos, Smith, Carnoy, Room, Wiki, Myth Index etc.), e, portanto, pode ser visitado e consultado de forma útil, em escala global, por um público de estudantes e estudiosos de língua espanhola, luso-brasileira, catalã, croata, inglesa, francesa e, obviamente, italiana.

Para um elenco dos colaboradores, cf. a página web: http://grmito.units.it/content/gruppo .

Università degli Studi di Trieste - Dipartimento di scienze dell'Antichità "Leonardo Ferrero"
Copyright : Pellizer-Zufferli-Marzari